quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

A de Amelie

Já fazia tempo que eu não passava por aqui. A falta de tempo e o desânimo com a cara do blog me afastaram desse espaço, que eu gosto tanto e me faz tanta falta.

Mas agora, o blog entra numa nova fase. O template mudou, mas é provisório. Por quanto tempo, eu não sei. 

A minha pequena não é mais pequena. Já não tem mais feições de bebê. Já saiu das fraldas. Está com uma dicção linda de viver e diz coisas como "Eu gostaria de ir ao banheiro" - assim mesmo.

Já demonstra uma atenção especial aos livros e identifica muitas letras. Mas há uma em especial: o A de Amelie. Acho que a atenção dela com a letra do nome começou por volta do Natal. A cada A de Amelie que ela identificava uma exclamação! "Olha mamãe, o que eu achei aqui!" E ela só tem 2 anos e meio.

Eu me surpreendi com essa vontade dela em buscar as letras. Achei que isso só aconteceria quando ela tivesse lá com seus 5 anos. Mas a brincadeira favorita do momento é pedir para mamãe desenhar o alfabeto.

E lá vou eu. 
"Mamãe, desenha o A de vovó" (porque toda letra inicial, ela chama de A)
"E o A de vovó Sônia/E o A de tia Helene/ E o A de Papai"
Assim passamos uns bons momentos: ela descobrindo o prazer das letras e eu maravilhada com seu interesse.

Até que, há dois dias mais ou menos, ela me chamou na cozinha, toda feliz. "Vem aqui ver um A de Amelie que eu fiz, mamãe".
E lá estava ele. 

Tive vontade de chorar de alegria, orgulho, amor. Porque as letras são as primeiras estradas por quais caminhamos para conhecer a vida. E minha Amelie está vivendo. plenamente.